Nossas redes sociais:

02/04/2020

MLCM+ convoca para um voluntariado pelas Américas

O Movimento Latino-americano e do Caribe de Mulheres Positivas (MLCM+) convoca para um voluntariado pelas Américas

 

O Movimento Latino-americano e do Caribe de Mulheres Positivas (MLCM+) lançou uma iniciativa de voluntariado para apoio às pessoas vivendo com HIV e Aids (PVHA) em toda a América Latina e Caribe.
A iniciativa se dá no âmbito da pandemia da COVID-19 e busca realizar um levantamento da situação e acompanhar as pessoas vivendo com HIV e AIDS durante esta crise.
O Movimento Nacional das Cidadãs Posithivas (MNCP/Brasil) apoia e está junto a esta plataforma do plano de contingência HIV e COVID-19 do MLCM+.

 

 

“Nossa Organização zela para que seja cumprido o acesso universal à saúde e o pleno exercício dos direitos de todas as pessoas. Assim nasce esta convocatória. Porque cremos que trabalhando juntas e juntos em prol de uma causa tão justa como a de cuidar da saúde e da vida, cuidamos também do futuro das nossas sociedades.”

 

 

Há muitas PVHA em locais remotos, que trabalham na informalidade, profissionais do sexo, pessoas em situação de rua, com pouco acesso a tudo, inclusive a informações de qualidade, comida e orientações.
O apoio consiste em doar dinheiro, alimentos, artigos de higiene, conhecimento, habilidades, serviços, escuta, acolhimento, orientações, etc. Assim será possível reconhecer a situação das pessoas que vivem com HIV/aids e auxiliá-las conforme suas necessidades durante a pandemia do novo coronavírus.

 

Quem quer se voluntariar em diferentes ações: http://bit.ly/VOLbras

A pessoa HIV+ que deseja receber apoio: http://bit.ly/APObras

 

Juntas e juntos contra o HIV, a COVID-19 e a injustiça social.

Pesquise uma matéria por palavra
Pesquise notícias mais lidas
JoséCândido_reabertura CNAIDS_04-04-2024

Seja Afiliado

Venha fazer parte dessa grande famìlia e juntos trasformar vidas

Junte-se a nossa causa e ajude a melhorar a vida de diversos brasileiros desasistitidos que lutam por condições melhores de vida e acesso a remèdios e procedimentos que podem lhes dar uma expectativa de vida maior.

É gratuito! Unindo forças e oferecendo o que possamos dar como influencia e dedicação as causas de políticas públicas podemos ajudar uma grande comunidade.