Nossas redes sociais:

30/10/2023

Nota de pesar pelo falecimento de Lorna Washington

É com profundo pesar que a Rede Nacional de Pessoas Vivendo com HIV e AIDS (RNP+Brasil) recebeu a notícia do falecimento de Lorna Washington, aos 61 anos, na madrugada desta segunda-feira, 30 de outubro, no Rio de Janeiro. Lorna Washington foi uma transformista, atriz, cantora e ativista pelos direitos de pessoas LGBTQIAPN+ e pessoas vivendo com HIV/AIDS, cuja trajetória artística é caracterizada por sua notória atuação nas noites cariocas ao longo das décadas de 1980 e 1990, o que fez dela um símbolo da cultura drag no Brasil.

Considerada a Fernanda Montenegro do mundo drag, Lorna Washington recebeu diversas homenagens que ilustram sua grandiosidade como artista e ativista. Em 2016 a sua história foi retratada no documentário “Lorna Washington:  sobrevivendo a supostas perdas”, dirigido por Leonardo Menezes e Rian Córdoba. Em 2022, Lorna recebeu o Prêmio Cidadania na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro por reconhecimento à sua dedicação à promoção dos direitos de cidadania e da cultura LGBTQIAPN+. Em julho de 2023, Lorna Washington foi a grande homenageada da Semana do Orgulho LGBTQIAPN+ na Pink Flamingo, também no Rio de Janeiro; neste mesmo mês a Mídia Ninja publicou a matéria “A rainha das drags: uma entrevista com Lorna Washington”, assinada por Kaio Phelipe, na qual a artista conta momentos marcantes da sua história.

Lorna Washington é igualmente reconhecida pelo Movimento Brasileiro de Luta Contra a AIDS, dada sua inestimável contribuição como ativista no Grupo Pela Vidda RJ (GPV-RJ) quando, dentre outras ações, realizava apresentações artísticas para as pessoas doentes de AIDS internadas no Hospital Gaffrée e Guinle na capital fluminense. Conforme destacou em nota o vice-presidente do GPV-RJ, Rene Júnior, Lorna Washinton “desempenhou um papel fundamental no início do Grupo Pela Vidda RJ. Seu comprometimento em visitar o Hospital Gaffrée e Guinle durante os primeiros dias da epidemia de AIDS não apenas aqueceu os corações dos doentes, mas também oferecia um raio de esperança em meio à escuridão que envolvia aquele momento sombrio. Na época em que não havia medicação e o tratamento se resumia a cuidados paliativos para aqueles em estágio terminal, Lorna era um farol de solidariedade e amor”.

A RNP+Brasil se solidariza e envia os mais sinceros sentimentos à família e às pessoas amigas, na esperança de que encontrem conforto. A RNP+Brasil, como uma Rede formada por pessoas que vivem com HIV/AIDS, manifesta o seu reconhecimento ao trabalho e à história de Lorna Washington e envidará todos os esforços para que o legado desta artista e ativista na luta contra o HIV e a AIDS se mantenha vivo em nossas ações e na memória da epidemia de AIDS no Brasil!

Lorna Washington, presente!

 

RNP+Brasil, 30 de outubro de 2023

Seja Afiliado

Venha fazer parte dessa grande famìlia e juntos trasformar vidas

Junte-se a nossa causa e ajude a melhorar a vida de diversos brasileiros desasistitidos que lutam por condições melhores de vida e acesso a remèdios e procedimentos que podem lhes dar uma expectativa de vida maior.

É gratuito! Unindo forças e oferecendo o que possamos dar como influencia e dedicação as causas de políticas públicas podemos ajudar uma grande comunidade.